A compra da Activision da Microsoft pode ser aprovada pela FTC já no próximo mês

A aquisição em andamento da Activision Blizzard pela Microsoft pode ser aprovada pela Federal Trade Commission (FTC) já no próximo mês.

A FTC pediu à Microsoft e à Activision Blizzard informações adicionais em março, enquanto continuava a revisar seu acordo de aquisição proposto.

E de acordo com a Dealreporter, provedora de notícias sobre fusões pagas (via Seeking Alpha), a Microsoft agora forneceu à FTC as informações que estava procurando.

Conforme observado pela própria orientação da FTC (via Real Mi Central), isso significa que o órgão agora tem 30 dias para contestar a aquisição, caso contrário, o negócio pode continuar.

Há algumas ressalvas para isso, no entanto. Como aponta a orientação da FTC sobre o processo, ambas as empresas precisam fornecer as informações necessárias antes que a contagem regressiva de 30 dias possa começar.

“Normalmente, uma vez que ambas as empresas tenham cumprido substancialmente a Segunda Solicitação, a agência tem mais 30 dias para revisar os materiais e tomar medidas, se necessário”, diz.

Ainda não está claro se a Activision forneceu sua parte das informações solicitadas – caso contrário, a janela de 30 dias provavelmente só começará quando isso acontecer.

Uma vez que a FTC tenha recebido as informações de ambas as empresas, há três resultados potenciais. A FTC poderia:

  • Encerre a investigação e deixe a fusão prosseguir sem contestação
  • Negociar com as empresas para adicionar algumas regras acordadas que garantirão que o mercado permaneça competitivo
  • Buscar impedir o negócio entrando com pedido de liminar na Justiça Federal

Se a FTC decidir encerrar a investigação, o acordo pode ficar mais próximo de ser finalizado.

No entanto, a outra grande ressalva é que o negócio também está sendo investigado pela Autoridade de Concorrência e Mercados (CMA), o equivalente da FTC no Reino Unido, bem como reguladores de outras regiões.

A CMA estabeleceu um prazo de 1º de setembro para dar sua decisão inicial sobre o assunto e, se decidir que a fusão não deve prosseguir por qualquer motivo, o acordo ainda pode não ser concluído.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: