Sony responde ao acordo Xbox-Activision: ‘Esperamos jogos multiplataforma devido a acordos contratuais’

A Sony respondeu pela primeira vez à proposta de aquisição da Activision Blizzard pela Microsoft e disse que espera que os jogos permaneçam multiplataforma devido a “acordos contratuais”.

“Esperamos que a Microsoft cumpra os acordos contratuais e continue a garantir que os jogos da Activision sejam multiplataforma”, disse um porta-voz da Sony (via WSJ) na quinta-feira.

A Activision cria alguns dos jogos de maior sucesso da PlayStation na série Call of Duty. No ano passado, a série foi o primeiro (Vanguard) e o terceiro (Black Ops Cold War) jogos mais vendidos no PlayStation nos EUA, de acordo com o NPD.

No entanto, o futuro da série no PS5 e PS4 foi colocado em dúvida após o anúncio da Microsoft de que adquirirá a Activision Blizzard em um acordo de US$ 70 bilhões.

A editora tem um contrato de exclusividade de conteúdo de longa data com a PlayStation para a série Call of Duty, e é a isso que a Sony pode estar se referindo em sua última declaração. Esses acordos provavelmente cobrem vários anos.

Após a aquisição da Bethesda no ano passado, a Microsoft honrou acordos de exclusividade para Deathloop e o próximo Ghostwire Tokyo.

Call of Duty: Modern Warfare de 2019 veio com um modo Special Ops Survival que foi exclusivo do PS4 por um ano, enquanto Black Ops Cold War de 2020 incluiu um modo Zombies exclusivo cronometrado chamado Onslaught.

Os usuários do PlayStation também recebem vários bônus pelo recente Call of Duty Vanguard, em comparação com os usuários do Xbox e PC.

A Activision Blizzard disse que não tem intenção de remover os jogos existentes de outras plataformas depois de adquiridos.

De acordo com um relatório da Bloomberg esta semana, a Microsoft planeja continuar fazendo “alguns” dos jogos da Activision Blizzard para consoles PlayStation.

A publicação também colocou a questão da exclusividade ao chefe de jogos da Microsoft, Phil Spencer, que disse: “Vou apenas dizer aos jogadores que estão jogando jogos da Activision Blizzard na plataforma da Sony: não é nossa intenção afastar as continuamos comprometidos com isso.”

Vale a pena notar que Spencer fez comentários semelhantes antes da conclusão de sua aquisição de US$ 7,5 bilhões da Zenimax, controladora da Bethesda.

No entanto, embora os jogos existentes como The Elder Scrolls Online continuem a ser suportados nas plataformas PlayStation, e os acordos de exclusividade existentes para Deathloop e Ghostwire Tokyo tenham sido honrados, a Microsoft confirmou os grandes jogos futuros da Bethesda, como Starfield, Redfall e The Elder Scrolls 6. será exclusivo para Xbox e PC.

Spencer disse em março de 2021 que entregar jogos exclusivos para plataformas que suportam o Xbox Game Pass foi a principal razão pela qual a Microsoft adquiriu a Bethesda.

No entanto, um analista da indústria de jogos disse que a Microsoft pode lutar para obter aprovação regulatória para sua aquisição da Activision Blizzard, caso planeje tornar Call of Duty um exclusivo do Xbox.

Reagindo aos planos da Microsoft, a DFC Intelligence disse em uma nota de pesquisa: “Esse acordo será aprovado? Os reguladores examinarão de perto e franquias como Call of Duty podem não ser exclusivas das plataformas Xbox devido a preocupações antitruste.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: